Escolhas

by Charlles Nunes
(Angra dos Reis, RJ, Brasil)

Dizem que ser feliz é uma questão de escolha. Para nós, isso ia se tornando mais evidente à medida em que as opções diminuíam...

Na mesma noite da internação (quinta-feira, 28 de outubro de 2011), passamos a madrugada em claro ajudando a Poliana a enfrentar seu crescente desafio.

Logo após a meia noite, ela vomitou pela primeira vez. Minutos mais tarde, vomitou de novo. Daí pra frente - até o amanhecer - ela teve ânsia inúmeras vezes. Como não havia nada em seu estômago, não entendíamos o porquê...

Mesmo assim, a cada vez que ela vomitava nós a incentivávamos, acreditando que a situação estivesse melhorando, pois seu estômago estava ficando limpo. Quando a enfermeira entrou no quarto, procuramos animar a Poli, anunciando seu êxito: “Ela conseguiu, ela conseguiu!”

Ao recordar a experiência, me lembro do filme ‘A Vida é Bela’, no qual um pai procura consolar o filho num campo de concentração, envolvendo-o num jogo de faz-de-conta para que ele não perceba as dificuldades da vida real.

Nosso caso era um pouco diferente. Ao mesmo tempo em que procurávamos animar a Poli diante dos desafios, também acreditávamos todo o tempo em sua recuperação.

Ora nossa atitude se parecia com a do pai retratado no filme, ora agíamos e sentíamos como o garoto, participando de um grande jogo.

Quão grande foi nossa surpresa ao perceber - naquela madrugada sem fim - a situação continuava se agravando... de uma forma que nos escapava ao controle.


AnteriorÍndiceSeguinte

Click here to post comments

Join in and write your own page! It's easy to do. How? Simply click here to return to Simplesmente Poliana.